Orgulho de ser Facility Management

Facility Management

“Um Facilities de sucesso é aquele profissional que gosta das adversidades, está sempre implementando melhorias e inovação com qualidade e economia/redução de custos e participa de cursos e palestras para atualização contínua.” 

Conheça a trajetória profissional de Soraya Durães, Facilities Manager da Editora Abril na Marginal Tietê.

 O Grupo Abril faz parte da vida profissional de Soraya Durães há 30 anos. Passando por diferentes setores, as atividades em Facilities iniciaram na área de frotas, mas foi no site da Marginal Tietê que passou a criar projetos para o Grupo todo, onde foi pioneira na implantação da metodologia de PDCA em serviços. Após um período fora da Abril trabalhando com consultoria especializada em redução de custos, foi convidada a retornar para criar uma área inteiramente nova: Suprimentos & Facilities em Serviços Compartilhados da Total Express, empresa holding de logística do Grupo Abril. Nesta área, através de diversas medidas, conseguiu uma redução em custos de 30%.  

Hoje, de volta ao site da Editora Abril, é responsável por uma área com 55.000 metros quadrados e uma população aproximada de 2 mil pessoas. Soraya é vice-presidente da ANGC (Associação Nacional dos Gestores de Contratos), Membro do Grupo Mulheres de Facilities e do GRUPAS (Grupo dos Gestores de Facilities). 

Confira abaixo mais detalhes sobre esta trajetória e os desafios de comandar áreas de Facilities em uma das maiores empresas de Comunicação e Distribuição da América Latina.

Qual o nome da área na empresa onde atua e para quem se reporta?

Atuo na área de Suprimentos & Facilities da Abril Comunicações e me reporto a Wagner Faria, Gerente de Serviços.

Quais foram os maiores desafios quando assumiu a área de Facilities na empresa atual?

Um prédio antigo, com mais de cinquenta anos, com necessidade de muitos reparos e um orçamento bem enxuto.

Quais foram as principais medidas que possibilitaram a redução de 30% no orçamento na área de Suprimentos & Facilities em Serviços Compartilhados na Total Express?

A redução de 30% no orçamento foi reflexo de ações/negociações da área de Compras de matérias-primas, grandes contratos como TI e Fretes, projeto GMD (Gerenciamento Matricial de Despesas) e alguns projetos em Facilities (nova política de Viagens, revisão no padrão dos restaurantes, revisão nos contratos de serviços e máquinas de café e snacks).

Como concilia vida profissional e pessoal?

Muito bem equilibrada, aprendi a administrar o tempo e a dedicação de forma que quando estou no trabalho sou 100% profissional e vice-versa, isso nos proporciona qualidade de vida.

Como você vê o crescimento do mercado de Facilities no Brasil?

Pela atual conjuntura econômica do país, e a grande busca por economias para alavancar os resultados, é uma área que começa a ser vista como estratégica para as empresas.

Quais competências acredita que sejam essenciais para ser um bom Facility Management?

Primeiramente, gostar de servir e atender todo tipo de pessoa, ter “jogo de cintura” e facilidade em trabalhar sob pressão, alegria e orgulho em trabalhar nessa área, a partir dessa habilidade a parte técnica você treina fácil.

Gostaria de fazer alguma consideração final? 

Um Facilities de sucesso é aquele profissional que gosta das adversidades, está sempre implementando melhorias e inovação com qualidade e economia/redução de custos e participa de cursos e palestras para atualização contínua.